Previsão do Tempo

22°
°F°
Mambore, Brasil
Clear
Mon Scattered Thunderstorms
31º 20º
Terça, 04 Setembro 2018 10:59

Sessão ordinária do dia 3 de setembro de 2018

Vídeo da sessão de segunda-feira (3)

Com ausência apenas do vereador Juvelino da Costa Guerra, foi realizada a sessão ordinária de nº 23 do ano, na noite de segunda-feira (3). Em pauta, um requerimento, seis indicações ao Executivo, a entrada do Projeto de Lei (PL) do orçamento do Município para 2019 e uma moção ao Grupo de Capoeira Chora Menino. Vários integrantes da equipe homenageada estiveram presentes no plenário Vereador Dorneles Adão Cavali, participando da sessão.

Entrou, oficialmente, na Casa de Leis, o Projeto de Lei nº 65/2018, de autoria do Poder Executivo, dispondo sobre o orçamento do Município de Mamborê para o exercício 2019. O PL estima receita e fixa despesas no valor de R$ 57,618 milhões (cinquenta e sete milhões e seiscentos e dezoito mil reais) para a Prefeitura de Mamborê, no próximo ano. O orçamento previsto para 2019 é 7,9% maior que o de 2018, que foi de R$ 53,38 milhões.

Ordem do Dia

O presidente Jairo Silveira de Arruda encaminhou o PL nº 65/2018 para análise jurídica e das Comissões Permanentes. Arruda comentou ainda que o orçamento é o terceiro maior da região da Comcam, perdendo apenas para Campo Mourão e Ubiratã.

Foi aprovado, em primeira votação, o PL nº 64/2018, alterando o nome da Rua Projetada 5 para Rua Leonina Camargo Vieira. Houve uma Indicação Legislativa, de autoria do vereador Jairo Arruda, ao Executivo, sugerindo a elaboração de um projeto para a alteração do nome da rua. Leonina Camargo Vieira, conhecida como Nana, faleceu no dia 18 de janeiro de 2016, com 60 anos de idade. Nana era servidora pública do Município, trabalhava na panificadora municipal e residia na Rua Projetada 5.

Aprovado, por unanimidade, o Projeto de Resolução nº 7/2018, referente ao parecer prévio nº 76/2018, do Tribunal de Contas do Estado do Paraná (TCE-PR), sobre a prestação de contas do Poder Executivo do Município de Mamborê - exercício financeiro de 2015 - quando Claudinei Calori de Souza estava à frente do Poder Executivo. A votação foi nominal.

No momento da votação da Moção de Congratulações ao Grupo de Capoeira Chora Menino: professor Everaldo Ferreira dos Santos e instrutor Lucio de Oliveira Romão, vários vereadores manifestaram apoio, fazendo uso da palavra. A aprovação da moção foi por unanimidade.

“Toda a vez que vemos a criação de um grupo esportivo para atender crianças e adolescentes, é motivo de grande alegria”, disse o vereador José Aparecido Januário.

O vereador Mauricio Jotta Massano falou da importância de estender o trabalho ao patrimônio Guarani, se possível.

“Este é um sonho e que está fazendo a diferença na vida de muitos”, disse o vereador Fábio da Silva Ferreira, autor da moção, com o vereador José Corchak. “Esta propositura é apenas um reconhecimento, mas, além disso, queremos motivá-los para que estejam, a cada dia, mais e mais engajados [...] para que atraiam crianças e jovens e continuem mudando vidas neste município”, concluiu o vereador Fabio.

O vereador e presidente da Câmara, Jairo Arruda, falou sobre as cobranças das mulheres sobre o retorno das aulas de zumba, interrompidas há alguns meses. O comentário do vereador foi no momento da discussão do Requerimento nº 34/2018, de sua autoria, em parceria com o vereador Osvaldo Sibardeli, questionando se já está em andamento a licitação para contratação de professor(a) para as aulas. O vereador Mauricio lembrou que havia aulas no patrimônio Guarani também e que seria muito importante que elas continuassem, após a contratação do(a) profissional.

Comunicações parlamentares

O vereador pastor Everson Clei Tiburcio fez uso da tribuna para parabenizar os vereadores que contribuíram para que o Projeto Câmara Mirim se tornasse realidade. Lembrou dos servidores do Legislativo, também, que colaboraram e colaboram para que o projeto seja um sucesso.

O vereador Jairo Arruda também agradeceu à equipe pela dedicação e elogiou a maneira como os adolescentes conduziram a sessão de posse.

Requerimento aprovado

Requerimento n° 34/2018 – Autoria dos vereadores Jairo Silveira de Arruda (PDT) e Osvaldo Sibardeli (PSDB)
Para: Prefeito municipal Ricardo Radomski (Poder Executivo)

Os vereadores requerem que a Administração informe se há intenção ou já foi autorizada a licitação para a contratação de professor(a) para as aulas de zumba.

Indicações apresentadas

Indicação n° 88/2018 – Autoria do vereador Juvelino da Costa Guerra (PV)
Para: Prefeito municipal Ricardo Radomski (Poder Executivo)

Que seja feito recape asfáltico na Rua Giácomo Ambrósio Ciconello, em frente à Escola Municipal Professora Elizabete das Neves Teixeira Fernandes.

Indicação n° 89/2018 – Autoria do vereador Juvelino da Costa Guerra (PV)
Para: Prefeito municipal Ricardo Radomski (Poder Executivo)

Que seja feita uma operação tapa buraco no prolongamento da Avenida Paulino Ferreira Messias, na rodovia de responsabilidade do Município, que liga a cidade à BR 369.

Indicação n° 90/2018 – Autoria do vereador José Corchak (PDT)
Para: Prefeito municipal Ricardo Radomski (Poder Executivo)

Construção de uma pista de atletismo e ciclismo no entorno do Estádio Municipal.

Indicação n° 91/2018 – Autoria do vereador José Corchak (PDT)
Para: Prefeito municipal Ricardo Radomski (Poder Executivo)

Que seja realizada pavimentação asfáltica sobre todas as ruas da cidade que ainda possuem pedras irregulares.

Indicação n° 92/2018 – Autoria do vereador Osvaldo Sibardeli (PSDB)
Para: Prefeito municipal Ricardo Radomski (Poder Executivo)

O vereador solicita que seja enviada duas pá carregadeiras de terra na propriedade da senhora Nair Pelegrini, no prolongamento da Avenida Paulino Ferreira Messias (saída para o trevo da BR 369).

Indicação n° 93/2018 – Autoria do vereador José Corchak (PDT)
Para: Prefeito municipal Ricardo Radomski (Poder Executivo)

Que a Secretaria de Esportes possa realizar torneios de pesca no Parque do Lago.

Moção aprovada

Moção de Congratulações n° /2018 – Autoria dos vereadores: Fábio da Silva Ferreira (PV) e José Corchak (PDT)
Para: Grupo de Capoeira Chora Menino: professor Everaldo Ferreira dos Santos e instrutor Lucio de Oliveira Romão

O Grupo de Capoeira Chora Menino iniciou suas atividades em janeiro de 2018 tendo, à frente, o professor Everaldo Ferreira dos Santos e o instrutor Lucio de Oliveira Romão. Contando com vinte alunos, visa proporcionar que pessoas de diversas idades e condições físicas possam praticar o esporte. O projeto possui cunho social, uma vez que as aulas são gratuitas. A realização das mesmas é no pavilhão da capela Nossa Senhora da Glória. O presidente do Grupo Chora Menino é Osvaldo Figueiredo e reside em Tapejara, PR.

Momento da oração ecumênica no início da sessão

Equipe do Grupo de Capoeira Chora Menino com vereadores

 

Institucional

Informações

Sessões

Licitação